21 de Abril de 2014
Utilize as teclas de atalho Alt+2 para navegar para a área de pesquisa do sítio web.
Utilize as teclas de atalho Alt+1 para navegar para a área de conteúdos do sítio web.

INICIATIVAS

Lista de Conteúdos

  • Para assinalar o Dia Internacional dos Museus, o Instituto dos Museus e da Conservação promove uma Campanha Promocional, no período entre 14 e 31 de Maio em todas as lojas dos Museus, Palácios Nacionais e na Loja do Palácio Foz, com descontos que podem ir até aos 90% em diversas publicações.
  • Cartaz CMAG

    Durante as Férias da Páscoa a Casa-Museu Dr. Anástácio Gonçalves realiza cursos de artes plásticas - Pintura, Arquitecura, Escultura e Banda Desenhada - especialmente dirigidos para crianças, dos 7 aos 11 anos.
  • Tesouros do MNAZ ao lcance de todos Tesouros do MNAz ao lcance de todos

    O Ministério da Cultura e o Instituto dos Museus e da Conservação congratulam-se com o apoio mecenático dado pela Fundação Millennium bcp ao Doutoramento na área das acessibilidades em museus a ser feito na University of Westminster, em Londres, por Clara Mineiro, técnica superior no Departamento de Museus do IMC.
  • Seminário | Museu Nacional de Arte Antiga Seminário | Museu Nacional de Arte Antiga

    Foram publicamente apresentados no dia 1 de Junho de 2011, no Museu Nacional de Arte Antiga, a versão 3.0 do Matriz, assim como o Matriz para o Património Imaterial. Em desenvolvimento desde 1994, estas ferramentas para o inventário de gestão de informação nas várias áreas do património móvel e imaterial estão acessíveis em: http://www.matriz.imc-ip.pt/  
  • Cartaz atividades MNTraje(pormenor)

    Visita "oficina de desenho"
    Visitas à exposição permanente ou a exposições temporárias, complementadas com um ateliê de pintura ou desenho.
    Público-alvo
    : Todas as idades
  • Encenação no campo arqueológico do Museu Monográfico de Conímbriga

    Conimbriga: de pequenino se explora o Museu
    Estamos perante uma ficha de exploração didáctica, que incide sobre o discurso expositivo do Museu Monográfico de Conimbriga, e que “obriga” a um permanente diálogo entre o exposto e os “investigadores”.
    Público-alvo: Famílias (adultos e crianças de todas as idades)
    Nº Participantes: mínimo dois
    Preço: 0,75 euros (75 cêntimos – valor da “ficha de exploração didáctica”).
  • MNTRaje cartaz

    No período de Férias das Páscoa, de 7 a 17 de abril, o Museu Nacional do Traje propõe duas atividades para os mais jovens. 

    Férias da Páscoa com Cangulula

    A natureza descoberta e explorada através dos sentidos e da harmonia do corpo em movimento entre árvores, trilhos, prados e encruzilhadas…!
    Oficinas de pintura, barro e materiais naturais recolhidos no parque.
    Visitas à horta, histórias contadas, jogos sugeridos e inventados.
    Uma aventura a viver connosco.

    Idades: dos 3 aos 9 anos
    Datas: 7 a 11 de Abril | 14 a 17 de Abril
    Horário: 9h15 às 13h00 e das 14h00 às 17h30
    (possibilidade de acompanhar os participantes na hora de almoço)
    Preços: desde €100*/ semana de 7 a 11 de Abril
    desde €80*/ semana de 14 a 17 de Abril
    Informações: Hugo Rodrigues | tel: 919 168 965 | e-mail: cangulula@cangulula.com  
    Inscrições: Vitor Oura | tel: 217 543 924 | e-mail: vitoroura@mntraje.dgpc.pt  

    *para inscrições até 10 dias antes de cada semana

    Museu Nacional do Traje
    Largo Júlio de Castilho, 1600-483 Lisboa
    Tel.: 217 543 924 / e-mail: divulgacao@mntraje.dgpc.pt / www.museudotraje.pt.
  • Oficina lúdico-pedagógica

    Visitas guiadas
    Abordagem diferenciada consoante o grau de ensino e temática solicitada, à colecção exposta.
    Visam sensibilizar os diferentes públicos para as obras como testemunhos históricos.
    Público-alvo: todos níveis de ensino.
    Duração: 40/60 minutos
  • Oficina de expressãp plástica

    Guiões de visita ao MNSR
    O Museu Nacional Soares dos Reis, no Porto, oferece pequenos guiões temáticos, ilustrados com actividades lúdico-pedagógicas, e adequados a diferentes idades. Os guiões estão disponíveis na recepção do Museu e podem ser acompanhados pela entrega de pranchetas e lápis. Não requerem reserva prévia.

    Veja os percursos autónomos AQUI
    Público-alvo: famílias e visitantes individuais, grupos escolares e outros.
    Todas as actividades, excepto os percursos autónomos, requerem marcação prévia.

    Tel.: (+351) 223 393 770 | Fax: (+351) 222 082 851 | mnsr@imc-ip.pt | http://mnsr.imc-ip.pt

  • A fase mais visível da actividade dos Museus e Palácios nacionais é o programa, vasto e variado, de exposições. O IMC trabalha para que o visitante possa encontrar espaços museológicos cada vez mais qualificados, dotados de cafetarias, lojas, e, frequentemente, agradáveis espaços ajardinados, assim como as obras de referência de cada colecção organizadas em exposições permanentes. Mas é nas exposições temporárias que mais se revela a visão e a capacidade concretizadora de cada museu. Com recurso a peças cedidas por outras instituições museológicas, à junção ou conjugação de obras que, em outras ocasiões, dificilmente se poderiam fruir em conjunto, como produto de projectos especificamente desenhados por investigadores, curadores e historiadores de arte, as exposições temporárias vivificam os museus e incentivam a revisitação a espaços já conhecidos, mas que se reinventam permanentemente.

    DESTAQUES
  • Actividades educativasOs serviços educativos são, de forma consistente e continuada, uma das áreas de trabalho mais dinâmicas do Instituto dos Museus e da Conservação e, nomeadamente, dos seus Museus e Palácios.

    Nos últimos anos têm vindo a ampliar a sua abrangência, diversificando iniciativas, num processo dinâmico que acompanha o desenvolvimento do próprio conceito de função educativa, unanimemente reconhecida pelas instâncias internacionais como um dos principais eixos de actuação das instituições museológicas.

    Nesta perspectiva, as acções específicas dirigidas aos diversos públicos dos museus procuram incentivar articulações institucionais e alargar a função educativa a todos os sectores de actividade de museus e palácios.

    O objectivo é contribuir para uma maior diversificação das actividades oferecidas, desenvolvendo as competências dos seus técnicos, gerando maior reflexão, troca de experiências, de conhecimentos e avaliação em torno de estratégias pedagógicas que procuram sensibilizar os públicos para questões centrais da sociedade contemporânea, com destaque para o património e o ambiente.

    Estas estratégias são prosseguidas por uma oferta diversificada de produtos culturais, como ateliês e oficinas, sessões de conto, espectáculos de música, teatro ou dança, workshops, seminários, visitas guiadas a colecções ou sectores específicos do museu, e ainda de edições e instrumentos didácticos, destinados a diversas franjas de público e respondendo de forma qualificada à sua exigência crescente.
  • O IMC IP foi objecto de fusão com o IGESPAR IP e com a Direção Regional de Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, da qual resultou a DGPC (Direção-Geral do Património Cultural); a orgânica da DGPC está fundamentada no Decreto-Lei Nº115/2012.

    Para obter mais informações sobre a nova DGPC link aqui

  • O IMC IP foi objecto de fusão com o IGESPAR IP e com a Direção Regional de Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, da qual resultou a DGPC (Direção-Geral do Património Cultural); a orgânica da DGPC está fundamentada no Decreto-Lei Nº115/2012.

    Para obter mais informações sobre a nova DGPC aqui 
  • Recomende este sítio web

Serviços do Site

Rodapé